Portugal

FUJIFILM Holdings nomeada para a "A List" CDP, por Liderança em Ação Climática e Segurança Hídrica

Dezembro 13, 2022

TÓQUIO, 13 de dezembro, 2022 – A FUJIFILM Holdings Corporation (presidente e CEO, diretor representante: Teiichi Goto) anuncia hoje que a empresa foi nomeada para a prestigiada lista anual “CDP*1 A”, por Liderança em Ação Climática e Segurança Hídrica.

O CDP, originalmente conhecido como Carbon Disclosure Project, é uma organização global sem fins lucrativos que avalia a ação climática corporativa, gestão de recursos hídricos e preservação florestal em representação de mais de 680 investidores institucionais, com aproximadamente 18.700 empresas a responderam à pesquisa. Os resultados dessa pesquisa também são utilizados no mundialmente reconhecido Índice de Investimento Socialmente Responsável (Índice SRI), que avalia as atividades corporativas sob uma perspetiva ESG (meio ambiente, sociedade e gestão).

Teiichi Goto, presidente e CEO, diretor representante da FUJIFILM Holdings Corporation, afirma: “Estamos muito satisfeitos pelo facto de a FUJIFILM Holdings ter sido nomeada como integrando a "Lista A", tanto em mudanças climáticas quanto em segurança hídrica. Como a água e ar limpos são essenciais para a produção de películas fotográficas, que é o ADN do Grupo Fujifilm, a preservação do meio ambiente é fundamental para as nossas atividades comerciais. Continuaremos a contribuir para a sociedade com esforços proativos, como descarbonização, conservação de recursos hídricos e redução de resíduos, sempre em cooperação com as comunidades locais e os governos para resolver questões ambientais em todo o mundo”.

De acordo com o plano de Responsabilidade Social Corporativa (CSR) da Fujifilm, “Plano de Valor Sustentável 2030”, o Grupo Fujifilm está a trabalhar para lidar com as mudanças climáticas e a reciclagem de recursos naturais, incluindo a água. A Fujifilm estabeleceu a meta de "reduzir o uso de água de todo o Grupo Fujifilm em 30% em comparação com o nível do ano fiscal encerrado em março de 2014 (FY2013)" e está a trabalhar para conservar os recursos hídricos por meio do uso eficiente da água e do tratamento de águas residuais nas suas fábricas.

Além disso, a Fujifilm estabeleceu a meta de redução de emissões de dióxido de carbono em todo o ciclo de vida do produto*2 em 50% até ao ano fiscal de 2030 em comparação com o nível do ano fiscal de 2019, de acordo com a meta de 1,5°C definida no Acordo de Paris. Para atingir este objetivo, a Fujifilm lançou a estratégia ambiental do Grupo Fujifilm "Green Value Climate Strategy" para produzir com menor impacto ambiental e criar produtos e serviços que oferecem excelente desempenho ambiental. A Fujifilm também introduziu a precificação interna do carbono como um dos indicadores para consideração de futuras decisões de investimento, de modo a acelerar a implementação dessas medidas.

Conquistas da Fujifilm em relação à descarbonização e gestão de recursos hídricos:

Conclusão de um "acordo de parceria abrangente para um futuro descarbonizado" com a Tokyo Gas Co., Ltd., um fornecedor de energia, e a cidade de Minamiashigara, governo local, para criar um modelo neutro em carbono na produção, usando descarbonização de última geração tecnologias como metanação e hidrogénio, como iniciativa para a etapa de fabrico do ciclo de vida do produto.

Alcance da neutralidade de carbono no seu local de reciclagem de impressoras multifuncionais na China, em julho de 2022, mudando totalmente para eletricidade renovável.
Redução do impacto ambiental do tratamento local de águas residuais, compartilhando uma instalação de tratamento de grande escala localizada na FUJIFILM Manufacturing Europe B.V., na Holanda, com empresas vizinhas.

Obtenção do tratamento interno de todas as águas residuais no fabrico de filmes de sensores para painéis de toque no site Ashigara da fábrica de Kanagawa no Japão, estabelecendo uma tecnologia para tratar substâncias químicas contidas nas águas residuais.

Fornecimento de produtos como meios de armazenamento de fita magnética, que podem reduzir significativamente as emissões de dióxido de carbono*3. Assim, reduz-se consumo de eletricidade durante o armazenamento de dados e placa CTP térmica completamente sem processo para impressão de jornais, que atinge consumo zero de água.
 

FUJIFILM Eco-Manufacturing (Suzhou), local de reciclagem de impressora multifuncional na China que é neutro em carbono

Instalação de tratamento de águas residuais em grande escala, compartilhada com empresas vizinhas, localizada na FUJIFILM Manufacturing Europe B.V., na Holanda

*1 O CDP é uma organização global sem fins lucrativos que impulsiona as empresas a reduzir as suas emissões de gases de efeito estufa, a salvaguardar os recursos hídricos e a proteger as florestas. Ao trabalhar com mais de 680 investidores institucionais com ativos de US$ 130 triliões, o CDP ajuda as empresas a divulgar e a gerir os seus impactos ambientais. A FUJIFILM Holdings não está sujeita às pesquisas do CDP sobre preservação florestal porque não administra negócios relacionados a utilitários agrícolas, como madeira, óleo de palma, gado e soja.
*2 "Aquisição" de matérias-primas, "fabrico", "transporte", "uso" e "eliminação" de produtos.
*3 Ao salvar 100PB (petabytes) de dados por dez anos, armazenando-os em fita magnética, é possível gerar 95% menos emissões de dióxido de carbono (aprox. 2.400 toneladas) durante o armazenamento do que em HDD. (Fonte: Brad Johns Consulting, LLC “Improving Information Technology Sustainability with Modern Tape Storage”)

O conteúdo, incluindo a disponibilidade do produto, especificações, preços e contactos neste site, está atualizado à data da publicação e pode estar sujeito a alterações sem aviso prévio.
 

Contacto

FUJIFILM Holdings Corporation
Corporate Communications Division
Public Relations Group

TEL +81-3-6271-2000