Brasil
[foto] Analisador imunológico DRI-CHEM IMMUNO AU10V para uso veterinário

DRI-CHEM IMMUNO AU10V

NEW

Um revolucionário analisador de testes imunológicos no local para uso veterinário. 

O conteúdo desta página se destina a profissionais da área da saúde e relacionados.

Filme do produto

[vídeo] Analisador DRI-CHEM IMMUNO AU10V e como o método SPF funciona

A tecnologia de Fluorescência Plasmônica de Superfície aprimorada da FUJIFILM resultou em um analisador de imunodiagnóstico de fluorometria compacto, de alta confiabilidade e alta precisão.

Ideal para testes de imunodiagnóstico na clínica.

[imagem] Fácil de usar
[imagem] Medição rápida (aproximadamente 10 minutos)
[imagem] Calibração automatizada
[imagem] Amostras de soro e plasma podem ser medidas em todos os testes

Fácil de usar

Procedimento simples de duas etapas

Medições automáticas ao inserir um tubo (para amostras), uma ponteira (para amostragem e injeção)
e um cartucho (reagentes) e pressionar a tecla START (Iniciar)!

Fluxo de trabalho
[imagem] Cartuchos, tubos e materiais de ponta inseridos no DRI-CHEM IMMUNO AU10V, mão com luva pressionando a tecla START (Iniciar) no painel de controle da máquina e os resultados exibidos em aproximadamente 10 minutos
[foto] Parte inferior do cartucho com código QR e parte superior do cartucho

Calibração automatizada para reagentes usando código QR anexado

Todas as calibrações e medições são realizadas automaticamente com base no código QR*1 anexado à parte inferior do cartucho, o que elimina a necessidade de calibração do lote.

  • *1 “código QR” é uma marca registrada da DENSO WAVE INC.

Flexibilidade na seleção do tubo de amostra mais apropriado (1,5 mL ou 0,5 mL)

Um tubo de amostra de 1,5 mL ou 0,5 mL pode ser usado, permitindo flexibilidade ao coletar amostras de sangue de acordo com a situação de medição.

Não há necessidade de adicionar reagentes

Todos os reagentes e materiais já estão preparados dentro do cartucho.

Função de diluição automática

Para evitar operações manuais, como distribuição e mistura, o AU10V tem uma função de diluição automática (apenas para medições vf-SAA e v-COR).

Tecnologia

Princípio do sistema

  • O equipamento realiza fluorometria usando Fluorescência Plasmônica de Superfície (SPF) aprimorada, uma tecnologia baseada em Ressonância Plasmônica de Superfície (SPR), dentro de um cartucho pequeno.
  • Com a tecnologia SPF, a lavagem para excesso de esferas fluorescentes não é necessária, tornando o tempo de medição mais curto e a máquina mais compacta. Quando a fluorescência é potencializada por SPR, um feixe de baixa potência é suficiente para gerar intensidade de fluorescência substancial para detecção.
[imagem] Antígenos conectados a anticorpos em cima da película dourada fina e das esferas fluorescentes em antígenos amarelos brilhantes
[imagem] Conta-gotas aplicando gota de fluido ao canal de fluxo de amostra do cartucho

(1) Injeção de amostra

A amostra, que é misturada com o reagente, será dispensada no canal de fluxo de amostra do cartucho.

[imagem] Seta vermelha apontando do canal de fluxo de amostra para a extremidade oposta do cartucho

(2) Reação de ligação

O analito se liga ao anticorpo, que será ligado à fina película de ouro.

[imagem] Três setas vermelhas apontando para cima, em direção à seção de resultados fluorescentes do cartucho

(3) Irradiação do feixe de laser

Um SPR é gerado após a irradiação pelo feixe de laser.

[imagem] Pontos fluorescentes no cartucho em amarelo brilhante

(4) Medição de fluorescência

A intensidade fluorescente, que é proporcional ao nível de concentração do analito, é detectada.

Alta confiabilidade

Excelente correlação com analisador de laboratório padrão

O AU10V fornece resultados confiáveis e precisos. Ele tem excelentes correlações com seus métodos de comparação em amostras de soro.

[imagem] Gráfico de linha vf-SAA felino mostrando resultados de aglutinação de AU-10V vf-SAA e látex
[imagem] Gráfico de linha vc-TSH canino mostrando resultados de AU-10V vc-TSH e CLEIA
[imagem] Gráfico de linha v-PRF canino mostrando resultados de AU-10V v-PRG e CLEIA
[imagem] Gráfico de linha v-COR canino (diluição) mostrando resultados de AU10V v-COR e CLEIA
[imagem] Gráfico de linha v-T4 canino mostrando resultados de AU10V v-T4 e CLEIA
[imagem] Gráfico de linha v-B4 canino mostrando resultados de AU10V v-B4 e método enzimático
[imagem] Gráfico de linha v-T4 felino mostrando resultados de AU10V v-T4 e CLEIA
[imagem] Gráfico de linha v-B4 felino mostrando resultados de AU10V v-B4 e método enzimático